quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

A Gaveta e a Patroa

Com aquele arzinho de cabrona (sim, sou do Algarve e este não é um insulto como no Porto, carago) pergunta-me se pode mudar as minhas gravatas de sítio. Claro que o tom de voz era o de quem já o tinha feito. Este tom de voz e atitude, é muito à moda da minha terra e até costumo gostar, excepto quando se trata destes assuntos do meu espaço, claro.

Como já adivinharam a patroa é a pessoa que arruma o meu quarto e que manda lá no sítio. Há quem use este termo para referir, de modo ambíguo e indistinto, as suas mulheres (não me falem em esposos e esposas que me dá um ataque de ira...) ou as detentoras do capital de alguma sociedade, ou as mulheres que não detendo qualquer parte do capital são casadas, filhas, irmãs ou qualquer coisa do género com os donos das empresas. “Donos” é intencional e que me lê há algum tempo saberá a que me refiro. Obviamente que não é o meu caso, mas o significado é o mesmo. Patroa é quem manda lá no sítio.

A patroa lá do sítio, como a de muita gente, ainda recebe um ordenado para arrumar. Atenção à diferença de significados nos diferentes contextos. No dicionário dela “arrumar” significa “colocar objectos ou roupas em locais improváveis e esquecer de imediato os novos locais”.
Assim fui brindado com essa novidade: Não se importa que mude as suas camisas e gravatas de sítio, para ficar mais arrumado? Claro que esta era uma pergunta à Tíaaa, sem resposta. Limita-se a comunicar uma decisão, não a pedir uma opinião ou uma autorização, o que seria de esperar, nestas circunstâncias.

Lá mudaram as camisas e gravatas de sítio. Agora estão em armários separados, que dá mais jeito, sobretudo para que não usa as duas em simultâneo.

Mas como não há fumo sem fogo, fiquei a pensar no porquê desta mudança repentina. Seria para não ter que se baixar ao por as camisas na gaveta? Sim, porque para evitar que eu me baixasse não era de certeza, caso contrário as gravatas não teriam mudado de sítio.

Percebi no dia seguinte o porquê de tão súbita mudança. Uma gaveta que tenho, com algumas roupitas não são minhas (dá sempre jeito para uma emergência ou para um imprevisto) também tinha mudado de sítio. Como quem diz: Olhe que eu estou a controlar! Mas pelos vistos está muito liberal a patroa, porque a gaveta que era a última subiu um lugar no ranking das gavetas.

Terá alguma mensagem subliminar, que não percebo?

Vou estar atento à evolução do caso, qual Sherlock Holmes caseiro. Em todo o caso vou continuar a telefonar antes, não vá às vezes ser-me recusada a permanência no meu espaço, por esse SEF tão autoritário e ditatorial.

SEF: Serviço de Empregadas Fo###as, claro! Ou será que tem alguma a coisa a ver com os pecados?

Did I said something wrong?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Hmmm! Let's look at the trailer...

Siga o Tio pelo e-milio