terça-feira, 30 de agosto de 2011

Reforma antecipada

Exmo. Senhor Ministro das Reformas Antecipadas e das Nomeações Políticas,
Excelência,

O cidadão, abaixo assinado, António Bernardo Risos, vem muito respeitosamente solicitar a Vossa Excelência que se digne deferir o pedido de reforma antecipada e posterior contratação pelo estado, com o mesmo vencimento, para a mesma função, em regime de acumulação. Esta pretensão é sustentada pelo facto do signatário exercer a sua actividade profissional há mais de 40 anos, a saber:

1. Anos de actividade profissional no Algarve, enquanto residente no Porto: 5 (cinco)
2. Anos de actividade profissional no Porto, enquanto residente no Algarve: 6 (seis)
3. Acréscimo de anos, por deslocação da sua residência, com coeficiente 100%: 11 (onze)
4. Anos de actividade profissional no Porto, enquanto residente no Porto: 1 (dois)
5. Anos de actividade profissional no Algarve, enquanto residente no Algarve: 1 (um)
6. Acréscimo de anos, por actividade profissional na sua área de residência, com coeficiente 50%: 1 (um)
7. Acréscimo de anos, por desenvolver actividade profissional em região com mais do 50% de dias com sol: 5 (cinco), ou seja 5 anos a 100%
8. Acréscimo de anos, por desenvolver actividade profissional em região com menos de 50% de dias com sol: 6 (seis), ou seja 6 anos a 100%
9. Acréscimo de anos por stress de deslocações: 2,2 (dois anos e duas décimas de ano), ou seja 11 anos a 20%
10. Acréscimo de anos por stress de trânsito em zonas balneares: 1 (um), ou seja 5 anos a 20%
11. Acréscimo de anos por stress de trânsito nos períodos “in itinere”, em estradas com grande probabilidade de encontrar turistas oriundos do Reino Unido, África do Sul ou outros países com circulação à esquerda: 2 (dois), ou seja 5 anos a 40%
12. Acréscimo de anos por risco de encontrar famosos em praias públicas: 5 x 126 dias x 50 %= 315, arredondado, 1 (um ano), valor mínimo definido por lei para este acréscimo.

O signatário aceita que o reembolso dos 1,2 (um ano, 4 meses e 13 dias) de actividade profissional que já exerceu a mais do que os devidos 40 anos, lhe sejam pagos em simultâneo com os seus direitos vencidos, na data em que lhe vier a ser concedida a aposentação.

O signatário explicitamente declarara ainda que aceita ser colocado no mesmo lugar onde agora exerce a sua actividade, no caso de lhe vir a ser deferida a sua pretensão.

Espera deferimento,

De Vossa Excelência, muito atentamente,


António Bernardo Risos

14 comentários:

  1. subscrevo
    com um enorme e deferido sorriso!

    o humor agita


    um abraço

    manuela

    ResponderEliminar
  2. melhor que isso só o euromilhões :)

    ResponderEliminar
  3. manuela batista,
    :) vamos ver a resposta do ministo. Talvez tenhamos que fazer lobby, mas conto com o seu apoio!!!
    Um abraço

    PS já tentei várias vezes seguir o seu blog, mas não consigo :( devo estar a ficar com sinais de info-excluido :((

    ResponderEliminar
  4. Tulipa,
    Pois, e nestes casos a "sorte" também não é para todos...

    ResponderEliminar
  5. tio

    eu não o excluí, mas às vezes o blogger tem pancas :)

    manuela

    ResponderEliminar
  6. manuela,
    Agora consegui!!!
    E desculpe ter retirado o b ao seu nome. Não foi por gostar do acordo ortográfico.
    Abraço

    ResponderEliminar
  7. :))))) Good luck uncle!! Não te faltou referir o acréscimo de anos por desenvolver actividade sob a tutela do próprio Ministro?? rrsssss Olha, se for diferido, avisa! :)) Beijo

    ResponderEliminar
  8. Eva,
    Bem lembrado!!! Não sei se vou a tempo, vou esperar pela resposta...
    bjs

    ResponderEliminar
  9. Quem escreve assim não é analfabeto...:):):)
    Eu deferia rapidamente o pedido e acrescentaria um voto de louvor com a proposta de no próximo 10 de Junho ser condecorado (ia dizer com a Cruz de Guerra) com uma comenda!
    Abracinho meu

    ResponderEliminar
  10. Não basta pedir a Reforma antecipada... tem que acrescentar dourada ou melhor doirada... para não confundir com robalos lol
    Por falar em robalos... daquele que mais ninguém ouviu falar, o dinheiro do sucateiro, perdão... os robalos devem ter dado uma boa reforma ;)

    Bjos

    ResponderEliminar
  11. maria teresa,
    :)Obrigado! As comendas também dão uma renda? Este novo modelo de pré-reformado à nascença, só se move por dinheiro. Pensando melhor, a vaidade da comenda, com os 30 segundos de televisão talvez dessem para conseguir mais notoriedade lá no bairro
    ;)))

    ResponderEliminar
  12. Isa,
    Esse robalinhos já ajudaram muitos pré-new-reformados..;)

    Bem vista a questão da doirada!!!
    bjs

    ResponderEliminar
  13. Eu vou contratar-te daqui a ...deixa ver...26 anos (??)...para escreveres uma carta por mim, pode ser? :)

    ResponderEliminar
  14. Pseudo,
    26 anos? Estás a brincar, de certeza...Com um consultor para a área das Nomeaçoes Políticas e Reformas Antecipadas como o Tio, façoi já esta ano ainda. Não tens nada a perder, acumulas o ordenasdo com a reforma...
    Que dizes? Começo a escrever?

    ResponderEliminar

Hmmm! Let's look at the trailer...

Siga o Tio pelo e-milio