terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Até Sexta-feira...

Até sexta-feira é bom recordar esta história do Tratado de Lisboa e, de Lisboa e de todo o Portugal, um aforismo, esse sim verdadeiramente popular: Quem nasce torto, tarde ou nunca se endireita...

Enfim, vamos ver como evolui esta tragédia, que deixou de ser grega, pan-helénica, e passou a ser de todos nós...

Let's look at the trailer (fase famosa e, ao que parece, nunca foi dita), como também estas imagem nunca nos chegam a Portugal:

PS: Era segunda e não sexta....Mas perdem pela demora!


4 comentários:

  1. Ando com as leituras atrasadas... talvez porque, como falou o Daniel, não cumpro as 5 horas na net :)
    Quanto ao Tratado de Lisboa... o torto foi entrar na União Europeia... porque isto de boas intensões está o Inferno cheio ;)

    Bjos

    ResponderEliminar
  2. Isa,
    As 5 horas, bem visto!!! Penso como tu, sobre a UE. Loucura total, a populaça a pensar que ia ganhar como os alemães, ter o carros ao preço da chuva, trabalhar pouco, ter reformas aos 50... etc. Só os "escolhidos" conseguiram isso. Acho piada a este Nigel Farage, porque vai dizendo algumas verdades..E quando se vira para o barroso e par aos outros,a dizer que falharam, é excelente!
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Curioso pensar que só agora estão a começar a ver que falharam, nós os bimbos já tínhamos visto isso há muito tempo...
    Aliás eu fui considerada estúpida quando não percebia isto de receber dinheiro para fechar fábricas, abater barcos e na agricultura, a riqueza estava no arrancar e na pecuária abater ou receber dinheiro para deixar de produzir fosse o que fosse.
    Não é difícil de perceber e basta o senso comum que se mal produzíamos para comer que se iria gastar ainda mais dinheiro para comprar...
    Depois comecei a desconfiar da marosca quando me convidaram para dar dos primeiros cursos de formação, onde eu daria de matéria o que quisesse, claro que não aceitei e novamente levei o rótulo de estúpida, depois vi comprar terrenos para receberem subsídios mas sem plantarem nada, depois comecei a reparar que nem tudo era a fundo perdido portanto nem sequer ia haver "almoços de borla" a minha única dúvida era quando ia a bronca rebentar... agora já sei lol

    Bjos

    ResponderEliminar
  4. Isa,
    Também sou bimbo, nesse caso! Ou como dizia um velhinho, na soleira da porta, depois de 50 anos de trabalho no campo: Isto de agora pagarem à gente, para não trabalhar tem água no bico...
    E que água!

    ResponderEliminar

Hmmm! Let's look at the trailer...

Siga o Tio pelo e-milio