quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Chamam a isto CRM? Vou ali e já volto, outra vez…



Eu chamava-lhe um figo, se não estivesse escrito de acordo com o aborto ortográfico. Também não posso dizer que é pidesca, porque este banco já foi devidamente limpo, polido e engraxado, como o Banco Para Néscios. Tenho que me limitar ao Cliente Resistente como a M…, para compreender esta trata dos “outros tidos como pertinentes”, pois cada vez que abro o site, recebo esta mensagem…

E imagino o diálogo:
O senhor(a) Cliente trouxe o seu passe L1? Sabe que é muito importante para nós saber para onde se desloca e como se desloca…
Ou, em alternativa:
O senhor(a) cliente trouxe a sua licença de isqueiro? Não existe há mais de 40 anos, mas podia ter trazido a do seu avô…
Os empregados mais zelosos podiam ainda, delicadamente, pedir o Boletim de Vacinas:
O senhor(a) cliente sabe que é muito importante para nós conhecer o estado de saúde dos nossos clientes. Pode mostrar-me o seu boletim de vacinas?
Enfim, a imaginação não tem limites, mas o texto original é muito melhor do que alguém poderia  imaginar:

Estimado(a) Cliente,
A atualização dos seus dados é essencial para a qualidade dos serviços que oferecemos e ajuda a garantir a sua segurança e proteção.
De acordo com o estabelecido no Aviso 11/2005 do Banco de Portugal e nas Condições Gerais do Contrato de Depósito à Ordem, deverá manter sempre atualizados os seus dados no Banco e comunicar-nos quaisquer alterações verificadas nos elementos de identificação.
São considerados elementos de identificação os seguintes:

Particulares
- nome completo, morada completa, profissão e entidade patronal, cargos públicos que exerça, tipo, número, data e entidade emitente do documento de identificação; outros tidos como pertinentes.

Empresas
– denominação social, objeto, endereço da sede, identificação dos titulares de participações no capital e nos direitos de voto da pessoa coletiva de valor igual ou superior a 25%, identidade dos titulares dos órgãos de gestão da pessoa coletiva; outros tidos como pertinentes.
Assim, da próxima vez que se dirigir a uma Agência ou Gabinete de Empresas do Banco Bastante Independente e Curioso, traga consigo os seguintes documentos:

- Bilhete de Identidade, Cartão de Cidadão ou Passaporte;
- Documento comprovativo de morada de residência (carta de condução atualizada ou recibo de pagamento de água, eletricidade, gás, telefone, internet);
- Documento comprovativo da profissão ou da entidade patronal (recibo de vencimento, declaração da entidade patronal, etc.);
- Certidão da Conservatória do Registo Comercial (no caso dos Clientes Empresa).

Com os melhores cumprimentos,
Banco Bastante Independente e Curioso

Nota: Os sublinhados são do Tio do Algarve, assinalam os erros. O bold, também, assinala o importante. O texto é o original.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Hmmm! Let's look at the trailer...

Siga o Tio pelo e-milio