sábado, 28 de dezembro de 2013

Natal, Pedras, Ano Novo, Votos, Festas et al



Como é habitual nesta época, aqui deixo os meus votos de Festas Boas às pessoas cá da casa e a todas e a todos… sim, gosto desta nova moda de não generalizar, de particularizar, de discriminar positivamente os géneros e os sexos. Por isso aqui vai de novo:

Como é habitual nesta época, aqui deixo os meus votos de Festas Boas às seguidoras e seguidores deste casa e a todas e todos que esporadicamente aqui passam, agradecendo a leitura destas minhas postagens! Muitas Festas Boas! Bem hajam!

Para não ficar pelas generalidades, arrefecido na alma – e no corpo - por um motivo tão simples como um esquentador avariado, quero concretizar alguns votos, enquanto peço uma Cuba Libre com poucas pedras.

Também nos cruzamos, nas nossas vidas, com pessoas doentes de várias maneiras: umas doentes do corpo, outras da alma, pessoas que nos falam com duas pedras na mão, outras que nos escutam com pedra no sapato. Há outras ainda com pedras no interior do copo, nos rins, na bexiga, na vesícula…Outras ainda – e não tão raras como se possa pensar, em vez de coração têm uma pedra. Tive mais sorte, a mim, depois de uma reparação no telhado saíram-me apenas pedras no esquentador, o que me obrigou a um arrefecimento brusco dos ânimos… Por isso agora aqueço-me com a mentirita, como dizem os nuestros amigos de Cuba.

E assim, por que sei se encontrarem pedras no caminho vão fazer um castelo com elas, desejo que no 
ano que se aproxima, só encontrem pedras no interior dos copos e que os vossos amigos também não as tenham no interior dos corpos ou dos esquentadores, isto se lá quiserem ir tomar banho, claro. Vista bem a situação até pode ser uma oportunidade: Hoje estou com pedra no esquentador, posso tomar banho contigo?

Há que tirar partido das dificuldades, que vão ser muitas, como todos sabemos.

Das outras pedras e pedradas, hoje não é dia para falar!

5 comentários:

  1. Tio do Algarve:

    Muitas festas para ti, de todas as índoles… ;)

    Olha que ter uma pedra em vez de coração não é uma doença, parece que é a norma.

    ResponderEliminar
  2. Caro Zé da Trouxa,
    Obrigado :-) E retribuo.
    Infelizmente parece que a pedra nessa sítio é mais vulgar que a dos rins..

    ResponderEliminar

  3. Por estes dias em que escreveste este post não andei a deambular por aqui e por isso só hoje estou a ler os teus votos empedrenidos, digo... sentidos!

    É difícil não me deixares com curvas no rosto sempre que te leio... e neste caso, se não te conhecesse como conheço, poderia mesmo dizer... que até parecia que estavas com uma grande pedrada...


    Beijinho es(quente)ado
    (^^)

    ResponderEliminar

  4. Ah... (parva, já me esquecia...) votos de BOM ANO!!

    (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Apetecia-me atirar umas pedradas, sabes bem a quem! Mas acho que não ia adiantar. és sempre bem vinda! E deixas saudades...
      Beijinhos

      Eliminar

Hmmm! Let's look at the trailer...

Siga o Tio pelo e-milio